Battlefield Hardline
Editor rating
9.0
User rate
10
Global vote
9.5
Vote you too:
N/A
Release: 17/3/2015
Price: € 69.99

Battlefield Hardline

Genres: SHOOTERS, ACÇÃO Producer: EA Games
  • Production: EA Games
  • Release date: 17/3/2015
  • Recommended age: 16 years

Muitos como eu tiveram a possibilidade de poder testar Battlefield Hardline no Beta aberto que a EA Games disponibilizou nas consolas. Foi uma semana incrível em que pudemos testar três mapas sem grandes limitações. A partir dessa altura a vontade de ter Battlefield Hardline em mão para poder jogar tanto o modo online como o modo Single Player.

 

Este é um Battlefield diferente do que estamos habituados, nada de guerras no Médio oriente ou em guerras planetárias com tramas muito rebuscadas. Desta vez Battlefield trás a típica quezília entre polícias e ladrões, algo que não é muito habitual neste estilo de jogos mas que acabou por funcionar muito bem.

Na campanha do jogo nós vamos encarnar a pele de um detective de nome Nick Mendonza que actua na violenta cidade de Miami. Nick vai ter de lutar não só contra os bandidos mas também contra ex-colegas que enveredaram pelo mundo da corrupção. Mas a aventura de Battlefield Hardline não irá cingir-se somente a Miami, ela ira passa também por Las Vegas e por algumas localizações dos desertos norte-americanos.

 

Algo que me agradou em Battlefield Hardline foi o facto de parecer uma serie policial televisiva onde as fases de jogo são apresentadas como se fossem episódios.

Gostei dos menus entre cada fase de jogo onde temos o episodio anterior e próximo episódio muito idênticos aos menus do NetFlix.

A ideia implementada em Battlefield Hardline faz lembrar muito “Miami Vice” ou até mesmo “Law& Order” o que por si só são óptimas referencias.

 

No decorrer do jogo iremos desvendar crimes que envolvem policias corruptos e traficantes de droga e as aventuras têm várias reviravoltas que levam a grandes perseguições no deserto, batalhas com tanques de guerra e muito mais.

 

O jogo conta com várias sequências de tiroteios onde o jogador mergulhará no enredo do jogo. Muitas vezes será algo bastante coerente e solido outras vezes teremos cenas de ação desnecessárias ou um pouco exageradas como por exemplo o ataque de um aligator que ocorre quando nos encontramos numa investigação no meio do pântano...

 

Jogabilidade...

O jogo Battlefield Hardline foi um jogo que resultou muito bem e a Visceral games acabou por testar novas mecânicas que acabaram por ser uma mais valia para o jogo.

Gostei de vários pontos como por exemplo o facto de nos conseguirmos aproximar sem sermos detectados de forma a prendermos o inimigo fazendo um noc-out devastador. Conforme prendemos os nossos adversários com as algemas, os mesmos vão saindo de combate rendendo assim mais pontos de experiencia que podem ser usados para desbloquear novas armas e equipamentos. Eliminar os inimigos a tiro não nos é assim tão rentável, pode ser eficaz mas não nos rende grandes pontos de experiencia.

O jogo conta também com um sistema de scâner idêntico ao aplicado em Far Cry 4 onde podemos marcar os alvos. Quando marcamos os alvos vamos ver que existem bandidos procurados que valem mais pontos quando os mesmos são capturados, vamos tentar não abater estes pois esses pontos podem dar muito jeito para aumentar o nosso arsenal ou o nosso equipamento.

No decorrer do jogo convém explorarmos os cenários pois existem provas de vários casos que temos em mão que nos podem ser muito uteis para conseguirmos concluir esses casos. Essas provas também desbloqueiam itens, estes itens são meramente cosméticos mas mesmo assim bastante interessantes.

Quando temos todas as provas de um caso, iremos assistir a uma cena cinematográfica que nos mostra a conclusão dessa mesma investigação, o que não deixa de ser bem interessante.

 

Gráficos...

Os gráficos estão incríveis, e para que estes gráficos ficassem assim a Visceral Games manteve o jogo a 60fps para que as animações fossem fluidas mas para que a experiencia fosse estável tanto no nodo campanha como nos modos online acabaram por manter a resolução abaixo dos 1080p para as versões de Battlefield Hardline das consolas de nova geração. Ou seja, na PS4 o jogo roda a 900p e na Xbox One o jogo roda a 720p.

Independentemente de a resolução estar abaixo dos 1080p eu posso garantir que as personagens estão muito bem conseguidas e os inimigos presentes no jogo são diversos ao contrário do que costumava acontecer com dois ou três tipos de inimigos padrão.

Em relação aos cenários, estes não estão maus. Tenho pena de ficarem um pouco aquém tendo em conta as comparações com outros jogos da atualidade ou então a própria comparação com Battlefield 4.

 

Som...

Neste campo, o jogo está muito bem conseguido, seja nas falas das personagens ou nos efeitos sonoros aplicados no jogo. As trilhas sonoras também estão muito bem, afinal de contas a serie Battlefield sempre nos tem surpreendido neste campo e com Battlefield Hardline isso não foi diferente.

 

Multiplayer...

Tal como em todos os anteriores títulos de Battlefield, o modo multiplayer é onde o jogo mais se destaca. Existem vários modos tanto como policia como em ladrão e uma das mais interessantes, no meu ponto de vista, é a “Conquista” onde existem duas equipas onde cada uma das equipas tem de capturar pontos estratégicos que são bem amplos tanto horizontalmente como verticalmente onde os jogadores vão travar grandes batalhas para poder controlar todos os pontos presentes no mapa.

 

Existe também o modo que estava presente no BETA aberto onde os ladrões têm de assaltar um banco e a equipa da SWAT tem de tentar capturar os assaltantes de moda a não os deixar roubar os malotes de dinheiro.

Outro modo bem interessante e que tem algum destaque é o modo “Ligação Direta”, neste modo temos de conseguir alguns pontos de captura que na realidade são veículos em movimento. O objetivo é roubar um carro e circular com esse mesmo carro, a outra equipa tem de tentar capturar esse veículo. É um modo interessnate, pena que muitas vezes os jogadores se esqueçam do objetivo e acabem só por se matar mutuamente e esqueçam as viaturas, depois ficam surpreendidos por não ganhar bastantes pontos de experiencia.

 

Gostei particularmente dos mapas pois são muito variados e permitem o uso dos mais variados veiculos, pena que eu e muitos jogadores sejamos uma nodoa a pilotar o helicóptero.

 

Conclusão...

Mais uma vez a serie Battlefield dá cartas com um novo enredo que teria tudo para falhar mas que acabou por resultar num excelente jogo. As novas mecânicas de jogo, as mecânicas de destruição e os veículos que aparecem no jogo são sem duvida algo que faz com que este jogo resulte num jogo de ação de grande qualidade.

O modo campanha está simplesmente incrível, sendo uma lufada de ar fresco tendo em conta os modos de campanha apresentados nos dois anteriores títulos de Battlefield.

Battlefield Hardline é um jogo muito divertido e garante aos jogadores varias horas de entretenimento, seja no modo campanha ou no modo online.

Read the review »

Media gallery
Images and videos
01
01
      Sobre Nós       Jobs       Acordo de Privacidade       Estatuto Editorial